Região

Moradores de Rio de Contas denunciam uso abusivo de paredões durante Carnaval 2023

Moradores de Rio de Contas, na Chapada Diamantina, denunciaram a volta dos paredões durante o Carnaval de 2023, desrespeitando a Lei Municipal nº 251, que regulamenta o uso de som automotivos.

De acordo com a Nova Rio de Contas FM, em 2018, após discussões entre moradores, autoridades e organizadores do Carnaval, ficou decidido que a maioria não concordava mais com os paredões devido aos transtornos e à perturbação do sossego público.

A Lei Municipal nº 251 foi aprovada pela câmara municipal de vereadores em 27 de agosto de 2018, e tem como base o art. 288 do Código de Trânsito Brasileiro, regulamentado pela Resolução Contran nº 624, de 19 de outubro de 2016. Moradores denunciaram que os paredões estavam abusando dos níveis de decibéis e funcionando por mais de 24 horas seguidas, perturbando o descanso de moradores e visitantes.

Até o momento, não houve apreensão ou notificação dos infratores, o que indica que a lei municipal foi ignorada. A discussão sobre os paredões envolve toda a sociedade civil e é importante que seja levada a sério para que o Carnaval possa ser uma festa democrática e respeitosa com todos os envolvidos.

Foto: Lay Amorim / Fonte: Achei Sudoeste

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo